Skip to main content

CABO DO EXÉRCITO MORRE APÓS SALTO DE PARAQUEDAS

Ele tinha mais de 40 anos de experiência e a motivação era a melhor possível: comemorar a data de formatura da turma de paraquedistas do Exército de 1980. Infelizmente, algo deu errado no último salto do cabo reformado Jorge Luiz Dantas.

O acidente aconteceu no bairro de Bangu, na zona oeste do Rio. De seis homens que foram lançados, Dantas foi o quarto. Nas redes sociais, um vídeo mostra o momento da queda do paraquedista, onde ele se choca violentamente contra o solo. 

Uma testemunha que não quis se identificar afirmou que o motivo da queda foi um movimento mal-sucedido que o paraquedista tentou fazer para não atingir as pessoas do evento.

MANOBRA – “A gente percebeu que ele tentou fazer uma manobra arriscada para desviar das pessoas que estavam em uma tenda próxima. De repente ele percebeu que poderia machucar alguém, fez uma manobra e não teve sucesso“, afirmou ela ao portal de notícias UOL.

O Comando Militar do Leste (CML) se pronunciou a respeito do caso e afirmou que o cabo Dantas não estava mais a serviço ativo do Exército e declarou que o evento não teve a participação da Brigada de Infantaria Pára-quedista. “A apuração dos fatos cabe aos órgãos de segurança pública. O CML lamenta o óbito do militar e apresenta seus sentimentos aos familiares”

Ao cair contra o solo, o paraquedista foi rapidamente socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para o hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo. Conforme a Secretaria de Saúde, a vítima chegou a passar por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.

SIGA-NOS EM NOSSAS REDES SOCIAIS

Instagram https://www.instagram.com/obsmilitarbr/

Facebook http://www.facebook.com/observatoriomilitardobrasil/

Twitter https://twitter.com/obsolinda

Youtube https://www.youtube.com/channel/UCRiaMDDQmUXI-YJqzkl1VWw?view_as=subscriber

Com informações do UOL

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: